Serviços essenciais: Mineração

Quando falamos em serviços essenciais logo nos lembramos de saúde, alimentação e saneamento básico (água, luz e esgoto). O que não reparamos é que todos eles dependem de um: a mineração.

Conhecida como a “indústria das indústrias” o setor também está tendo impactos importantes com a pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

De acordo com o Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM) a indústria da mineração segue cumprindo seu papel de produzir minérios essenciais para a sociedade, mesmo neste momento mais sensível causado pela propagação do vírus. Porém, com o avanço da doença no País, as empresas têm reduzido efetivos e sido obrigadas a evitar aglomerações, entre outras medidas para conter o coronavírus entre seus funcionários.

Dados divulgados pelo Ministério da Economia mostram que o Brasil registrou um superávit comercial de US$ 3,096 bilhões em fevereiro, valor melhor do que o esperado. Entre os responsáveis aparece a exportação de cobre. E apesar do Ministério ainda não ter divulgado projeções para 2020 há indicações de piora em relação à 2019, devido principalmente a pandemia do coronavírus.

O Cobre ao lado de outros minerais como Zinco, Ouro, Latão, entre outros, está presente nos componentes de fabricação dos respiradores elétricos e outros equipamentos hospitalares, tão necessários para pacientes infectados pelo Covid-19.